Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Let It Be...

Tempo de mudanças, recomeços e de escrever novas histórias... Tempo de quebrar correntes, laços e construir novos caminhos... Tempo de ser livre para fazer as próprias escolhas... Tempo de ser...e deixar ser...

Let It Be...

Tempo de mudanças, recomeços e de escrever novas histórias... Tempo de quebrar correntes, laços e construir novos caminhos... Tempo de ser livre para fazer as próprias escolhas... Tempo de ser...e deixar ser...

Decisões...

Decidi olhar por mim e para mim antes de tudo. Decidir ser tempo de largar de uma vez por todas, aquilo que anseio loucamente, essa ânsia desesperada que só me quer mal. Sei o que não me faz bem, o que me desgasta, e tomo consciência que é tempo de largar. Entre tantas coisas que larguei, Tu és apenas mais uma, eu é que fantasiei um ideal do qual já me tinha apartado. A capacidade que julgamos não ter, é afinal igual àquela que nos move a seguir em frente, e eu decidi seguir o meu caminho. O problema é que tenho olhado constantemente para trás, na esperança de te ver seguir-me, mas agora sei que o teu caminho não é o meu. E não tem efectivamente de o ser, aliás, não é, e ao lembrar-me que nunca o foi, vejo finalmente como estive errada de todas as vezes que olhei por cima do ombro. Não me quero assim tão mal ao ponto de me permitir acreditar em falsas esperanças, em engodos distraídos ou propositados, que me têm desviado do meu caminho nos últimos tempos. Não quero isso para mim por mais que sinta que te queira. Chegou o tempo de tomar consciência, que o passado não volta, que o caminho é rumo ao futuro, e que a mão que te teima em alcançar, precisa de mudar de direção e encontrar quem a ela se estenda. Hoje decidi assim ser e espero que o amanhã me traga isto no pensamento...

Xana <3